Resenha: A Mulher Silenciosa – A. S. A. Harrison

barrinha-divisoria-16

A_MULHER_SILENCIOSA_1396467668BA Mulher Silenciosa
 

Autor: A.S.A. Harrison
Editora: Intrínseca
Gênero: Literatura Estrangeira
Páginas: 256
Pontuação: 🌺 🌺 🌺
Sinopse: “Jodi e Todd estão juntos há 20 anos e, aparentemente, levam uma vida invejável. Todd é um empreiteiro bem-sucedido que pode bancar alguns luxos, como o enorme apartamento com uma vista deslumbrante para o lago, um Porsche (dele) e um Audi (dela) na garagem, e o estilo de vida de Jodi. Psicoterapeuta, ela atende em casa apenas dois clientes por dia, e tem tempo de sobra para as sessões de pilates, as aulas de arranjos florais, os passeios com Freud, o golden retriever do casal, e o preparo das refeições gourmet de que tanto gosta. Jodi ainda fica ansiosa ao ouvir a chave do marido abrindo a porta. Todd diz que nunca encontrará uma mulher igual a ela. Essa fachada perfeita, porém, está prestes a ruir. Todd é um adúltero incurável, e Jodi sabe disso. Ela é a esposa silenciosa, preparada para tolerar as traições do marido com o intuito de manter as aparências. Até que Todd sai de casa – para viver com uma mulher com metade da idade dela, filha de seu melhor amigo. Magoada, humilhada e, por fim, financeiramente abalada, Jodi começa a contemplar o assassinato como uma opção razoável. Contado alternadamente nas perspectivas dele e dela, ‘A mulher silenciosa’ é um livro sobre um casamento à beira do fim, um casal na direção da catástrofe, concessões que não podem ser feitas e promessas que não serão cumpridas. Um thriller psicológico sofisticado, que seduz o leitor desde a primeira página.”

Em A Mulher Silenciosa nós nos deparamos com Jodi, uma psicoterapeuta que é casada com Todd, um empreiteiro bem sucedido.
 
A história já começa nos contando que o casamento deles estão em crise, que houve um adultério e que Jodi está prestes a se tornar assassina, ou seja, você já tem o enredo todo na primeira página do livro, mas apesar de saber tudo o que poderá acontecer no livro, ele é muito mais do que isso, você acaba conhecendo o dia a dia integro de Jodi e de Todd, podendo assim conhecer como eles funcionam, o que pensam, quais são seus medos e anseios.
 
Jodi é uma psicoterapeuta, que tenta ser equilibrada e compreensiva, ela sabe que Todd é um adúltero convicto e mesmo sabendo de tantas traições da parte do marido, ela finge não ver o que acontece.
 
Já Todd, ama sua mulher, a vida que eles levam e a estabilidade que Jodi trás para ele, porém não consegue resistir à outras mulheres.
 
E eis que o problema começa quando Todd se deita com uma mulher mais jovem, Natasha, filha de seu melhor amigo, e ela aparece grávida. Com isso, Todd decide viver com Natasha e se separar de sua mulher. Jodi conhecida por ser equilibrada e sempre visão a razão, perde todo o controle da situação, tanto emocional e financeiramente. E diante dessa traição, Jodi se vê no fundo do poço, com o emocional todo afetado, se vê contemplando a morte de Todd, mas o que irá acontecer, só lendo A Mulher Silenciosa.
 
Uma das coisas que eu mais gostei no livro, talvez a única, é como a autora elaborou a narrativa, na primeira parte do livro, em cada capítulo é narrado pela perspectiva ou de Jodi ou de Todd, então conseguimos conhecer os dois lados da moeda, quem está certo, quem está errado, já na segunda parte do livro a narrativa é só da perspectiva de Jodi.
 
Eu esperava muito desse livro e me decepcionei, muitas pessoas das quais eu conheço ou ama esse livro ou odeia, então acho que não há meio termo, o livro não tem muita ação e tem uma narrativa extremamente monotona que chega a cansar. Muitos momentos da leitura eu fechava o livro e pensava em desistir, porém queria muito saber como a autora iria finalizar o livro e o que aconteceria com os personagens.
 
O final de A Mulher Silenciosa, de fato me surpreendeu, pois não estava esperando ter uma reviravolta tão grande e com isso considerei o livro bom, então acho que valeu à pena ter lido até o final e não ter o abandonado, mas sei que nunca vou relê-lo.
 
Para aqueles que gostam de um thriller psicológico, ele é uma dica de leitura, mas vá em mente que ele não não vai encontrar brigas, intrigas e muito sangue aqui, como até o nome do livro diz silencioso, é assim que esse livro é.
 
 
🌺 Página 122
 
“Seu conselho a todos seria: não permita que nada nem ninguém o impeça de viver a vida.”
 
C360_2015-07-18-20-37-34-856

barrinha-divisoria-16

Anúncios

3 comentários sobre “Resenha: A Mulher Silenciosa – A. S. A. Harrison

  1. Pingback: Desafios e Maratonas: Segunda Semana – #MLI2015 | Reino das Palavras

    • Eu odiei o livro em certos pontos e gostei em outros, acho que não é um livro totalmente ruim, pois têm muitas partes boas que te prendem de uma maneira única e eu recomendo este livro para todos que adoram um thriller psicológico, hehe. Adorei o seu blog, sempre irei entrar lá para ver as novidades. 💕

      Beijinhos e obrigada pelo comentário! 😘

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s